Skip to main content
ECOSSISTEMA

Uma composição que se tece em profunda ligação com a terra e a natureza.

Adega

Menos é mais – e na adega a máxima é levada muito a sério. O foco está no trabalho manual, na qualidade da madeira e no respeito pelo tempo próprio de cada coisa. Numa escala de produção reduzida, fazem-se vinificações de parcela e estágios de garrafa prolongados.

Respeita-se a matéria prima, acompanhando-a e conduzindo-a com respeito e ao detalhe, com o mínimo uso da tecnologia. O estágio em madeira suave leva tempo e requer paciência –e essa dedicação sente-se nos vinhos.

Vinhas

As vinhas, repartidas em 38 talhões, são nove: Leonilde, Choupal, Monte, Alto, Taco, Cabido, Sobreira de Cima, Sobreira de Baixo e Ribeira. Têm em comum entre elas o certificado biológico mas, fora isso, nenhuma é igual a outra, todas elas são singulares. Temos vinhas com quatro décadas e outras com meses de existência. Os solos variam: uns são mais arenosos e limosos, outros argilosos, alguns têm granito de base, outros quartzo. São 53 hectares dispersos, 60% em sequeiro. Privilegiam-se as castas autóctones e as que têm melhores níveis de acidez ou um teor alcoólico mais baixo.

As nossas variedades: Alicante Bouschet (AB), Touriga Franca (TF), Touriga Nacional (TN), Cabernet (CS), Petit Verdot (PV), Tinta Miuda (TM), Syrah (S), Arinto (A), Roupeiro (R), Antão Vaz (AV), Chardonnay (C), Alvarinho (AL).

Pomar de Nogueiras

São vários os pomares que habitam a Tapada de Coelheiros, sendo o mais antigo já trintão, nascido nos anos 90. Em diferentes pomares, produzem-se diferentes variedades de nozes.

Olival

São cerca de dois hectares com um solo fértil, com cerca de 60 anos de idade.

Com compassos antigos, o olival é tradicional mas fechado e com copas tão largas que se tocam entre si e protegem o solo com as suas amplas áreas de sombra.

Pinhal

São três os núcleos de pinheiros mansos. Existem diferentes tipologias e as características dos pinheiros (idade, porte) levam a que haja pequenos bosques dentro do enorme pinhal. O Pinhal do Alto é, como o próprio nome indica, altíssimo, permitindo que haja diferentes estratos de árvores e de arbustos.

Montado

É fonte de inspiração para todas as culturas da propriedade e talvez seja, por isso mesmo, a mais importante de todas. São 650 hectares de sobreiros (70%) e azinheiras (30%) num sistema multidiverso. O montado tem um papel vital na fixação de carbono e cria um sistema praticamente perfeito.

No bosque há, diversidade de espécies (que acomoda ovelhas e veados, além de prados semeados) e protege-se a regeneração natural de espécies (são já mais de 3 mil sobreiros bebés protegidos, sobreiros adultos e azinheiras).